Seguir este blog por E-mail

terça-feira, 27 de maio de 2014

RGB no Commodore Amiga

Desde que voltei aos computadores da minha infância, deparei-me com uma serie de questões que na época nem me passavam pela cabeça, uma delas foi sobre o porquê de nos contentarmos com uma imagem de fraca qualidade como é a da saída RF.
Modulador A520 - Usado no Amiga 500 e 500+
Esta saída estava presente em tudo que eram computadores e consolas dos anos 80 e 90 e juntava o sinal de vídeo e de áudio numa só saída que tínhamos de sintonizar nas tvs. Foi preciso chegarmos a meio da década de 90 para vermos as primeiras consolas a desistirem desta saída de vídeo.
Apesar disso, certos computadores também tinham outras saídas de vídeo melhores que essa, no caso do commodore 64 a saída de vídeo composto e no caso do spectrum ou do commodore amiga, saída RGB.
Como os computadores traziam o cabo RF de fabrica e como éramos miúdos, nunca nos questionámos sobre a qualidade de imagem, simplesmente achávamos que era assim e mais nada.
Agora que sou graúdo e tenho outra experiência nas tecnologias, foi uma questão de tempo até começar a investigar um pouco sobre alternativas a essa imagem tão fraca.

No caso particular do commodore amiga, vem equpado com saída RGB e saída de vídeo composto. Esta última basta um cabo RCA e um adaptador scart e estava o caso arrumado, já se notava uma melhoria significativa em relação ao RF.
Cabo RCAAdaptador Scart
A surpresa veio quando vi a qualidade de imagem que tinha com a saída RGB, simplesmente brutal, imagem nítida e sem fantasmas.
O próximo passo foi ver onde arranjava um cabo RGB para o meu Amiga. Depois de pesquisar, rapidamente encontrei o que queria mas achei o preço exagerado, cerca de 30€ por um cabo. Foi então que comecei a ver o que era necessário para construir o meu próprio cabo RGB.
Encontrei um site que me ajudou bastante e que me proporcionou um esquema perfeito para o cabo em questão. O site do Ian Steadman, fica o esquema da sua autoria.



Componentes necessários:

Ficha DB23 Fêmea
Ficha Scart
Cabo multifilar
3 fichas RCA
1 resistência entre 270 e 510 ohms
1 resistência entre 1 e 4.7 kohms
1 resistência entre 47 e 270 ohms

A ficha DB23 é um problema arranjar porque já não se fabricam e só encontrando stock antigo ou pesquisando na internet. Em alternativa podemos usar uma ficha DB25 a qual cortamos da seguinte maneira:
Ficha DB25 adaptada para a porta RGB do Amiga
(Imagem retirada da internet da autoria de Alexandre Souza)
O resultado final de um dos meus cabos.


Sem comentários:

Enviar um comentário